Translate

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Por quê?


Ele nunca haveria de perder o hábito de correr atrás do gato
Sim, há cinco dias tinha estado em sua casa
Conversado com sua mãe...
O gato no fundo do quarto
Sentados, um longe do outro
Tão polidos tão distante
E, todavia em um estado delicioso de tensão
Reuniu toda a coragem e a beijou
Ela ficou surpreendida e pendeu a cabeça
Um pouco triste e ao mesmo
Tempo assustada
Com uma sensação de delicioso espanto
Afastando o rosto e
Fechando os olhos
Disse simplesmente isso:
Por que não podia ser assim para sempre
Por quê?

Marcia Lailin



Nenhum comentário: