Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2014

A menina que mora em mim

Imagem
Podemos atravessar a linha do trem aproveitar que nossa mãe não esta e sem hora para voltar escorregar nas dunas de areia ficar morgando na areia minutos eternos olhando o céu e as nuvens patos gansos e sapos Podemos descer até a lagoa ou então vamos com os meninos jogar mais uma partida de um jogo que recusamos a lembrar o nome Vamos? Iremos ficar no morro rindo 15hs e ponto a porta se abrindo o cheiro de mofo Dona Julieta chamando Juninho, Isabel, Viviane  e o café com leite e pão Eu a levarei para a grama debaixo das três arvores de folhas verde bandeira, verde oliva e verde limão Sinta o cheiro pegue a cor Retorne para a meninice Volte, estranha mulher, a ser a menina de pernas de seriema não precisa mais correr agora  pode voar
Lai Lin

Grandes crimes que abalaram o (meu) mundo - Galdino Jesus dos Santos - Índio Pataxó

Imagem
Excelentíssimo (a) Senhor (a) Doutor (a) Juiz (a) Presidente do tribunal do júri da Circunscrição Especial Judiciaria de Brasília – DF
O ministério Público pela Promotoria de Justiça em exercício junto a esta unidade jurisdicional, no uso de suas atribuições legais, vem com base no inquérito Policial 095/97 –  1ᵃ DP, oferecer denúncia contra M.R.A, A.N.C.V, T.O.A e E.C.O, pela prática dos seguintes fatos delituosos: 1.       No dia 20 de abril de 1997, por volta de cinco horas, na EQS703/704 – W3 Sul – Brasília DF, os denunciados, juntamente com o menor de idade G.N.A.J., mataram Galdino Jesus dos Santos, índio Pataxó, contra o qual jogaram substância inflamável, ateando fogo a seguir, assumindo claramente o risco de provocar o resultado morte.
Apurou-se, com o incluso inquérito, que os denunciados, após terem-se divertido durante toda à noite, já quase ao amanhecer procurando dar continuidade à diversão, ao passarem pelo banco da parada de ônibus onde dormia a vítima, supondo ser ela um …