Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2014

Camões inspirando - Fragmentos de Ode

Imagem
                              Odes - canto na Grécia antiga






Ode para uma irmã

E então
você viu sua irmã passando na rua
dentro do carro em que o motorista
o marido um italiano narigudo dirigia
indo para a casa da Celi
e quando te viu,
sentada no banco de passageiro, fingiu que dormia
Tão normal
a mesma ação que fez dentro de um avião
quando viajava com seu pai
em uma época que era tão difícil alguém viajar de avião
e isso era na época o ó do borogodó
tão importante quanto uma bolsa Louis Vitton (credo!)
e sendo assim sentou longe dele (o cafona) desprezando-o
o pobre com seu boné vermelho

E então
um dia sua irmã quis fazer de ti uma pessoa menor,
porque não tinha assim como o exemplo irmanal
tomado o famoso banho de abo e feito o pacto com o demo

 e dado tão certo na vida e logo mais ser aplaudida de pé 
pela honorável família Ramos e Mesquita de interesseiros (xô urubus)
E então
um dia tão perto... tão... ontem
recentemente

E então
sua irmã em seu carro último tipo,
cheio de baus da Lola jacuzis, subiu a rua em…