sábado, 11 de fevereiro de 2012

Caminho do mar


Fico longo tempo ali
                                                                     olhando ninguém


Ninguém é um pescador
                                                                         longe de mim


 Apos um longo tempo
silencioso
Afasto e sigo
                                                                  em diferente direção
norte sul leste oeste
                                                                     Ai vem a onda
                                                             Dizendo: Que coisa tola


                                                            Ai vem a onda                                                              
tropeçando na rocha


Memorizo o caminho
os coqueiros
as flores
e por último
o mar

Mlailin
 

















Um comentário:

Elizabeth disse...

Tudo lindo...parabéns .Amo o mar