Translate

terça-feira, 1 de janeiro de 2013

Retrospectiva da virada


De cabelo em pé

Imaginem, como fiquei contente
e também um pouco orgulhosa
de sentir que nada mais faz
com que o meu cabelo fique em pé
Deveria ficar triste
por perder o sentimento de indignação

Foi isso que o ano 2012 deixou como legado
uma lembrança dos "grandes" homens
Fizeram de mim uma testemunha forçada
a enfrentar hipocrisia
em toda parte


Impossível evitar as assustadoras sombras demoníacas
Estão em todo canto
Não haverá mais tristeza
por causa deles
Políticos corruptos
Juízes,
advogados
grandes empresários
criminosos e terroristas
fanáticos

Não sentirei mais
pelas crianças assassinadas
idosos abandonados
sem teto
excluídos
imigrados
sem pátria

Me desumanizei
em um supremo esforço
de viver um dia a menos
igual a eles


Mlailin


Brindemos



À MUSA

Quanto, à noite, espero a tua chegada,


a vida me parece suspensa por um fio.


Que importam juventude, glória, liberdade,


quando enfim aparece a hóspede querida


trazendo nas mãos a sua rústica flauta?

Ei-la que vem.


Soergue o seu véu,

olha para mim atentamente.

E lhe pergunto: "Foste tu quem a Dante

ditou as páginas do Inferno?".

E ela: "Sim, fui eu".


Ana Akhmatova e
Lailin ♥





À VIDA

♥ 


Não colherás no meu rosto sem ruga


A cor, violenta correnteza.

És caçador- eu não sou presa.

És a perseguição - eu sou a fuga.

Não colherás viva minha alma!

Acossado, em pleno tropel,

Arqueia o pescoço e rasga

A veia com os dentes - o corcel

Árabe

................

Marina Tvestaeva

e Lailin Tvestaeva ♥ que de boba não tem nada









 "Algo de miraculoso arde nela,


fronteiras ela molda aos nossos olhos.


É a única que continua a me falar

depois que todo o resto tem medo de estar perto.

Depois que o último amigo tiver desviado o seu olhar

ela ainda estará comigo no meu túmulo,

como se fosse o canto do primeiro trovão,

ou como se todas as flores explodissem em versos."


Anna Akhmatova
e Lailin Akhmatova ♥







. Morte .

Quando criança, talvez tivesse medo do escuro. 


Histórias de terror e alguns contos de fadas 


carregam apreensão. 


Como era reconfortante quando deixavam uma lâmpada acesa

enquanto tentava pegar no sono!

Do mesmo modo também a morte amedronta a muitos.

Não precisa ser assim.

Por que não?

Por causa do que a morte realmente é

A luz da lampada nos fazia pegar no sono

A luz da tranquilidade

de ter feito o bem

e de ter uma boa consciência

o fará ter uma boa noite

de sono profundo

sem sonhos

MLailin Lailin





Como foi sua virada?

Tomei banho
li algo
vi um pouco de televisão
com o controle na mão
procurando um bom filme
tomei meu chá de hortelã
com uma ou duas bolachas de água e sal
esperei o barulho
e pensei nos países que preferem o silêncio
ao estrondo
porque vivem debaixo de bombas o ano todo
e imaginei o sorriso "inocente" de um povo olhando o céu
em fogos de artifícios
e não sei bem em que pensava
quando virei o rosto
para minha parede lilás
e dormi...
foi o que fiz

MLailin Lailin








Nenhum comentário: