Translate

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

TÉDIO



Tédio
A janela aberta, dia nublado
livros caídos no chão
Rosto desanimado
Primavera, o mudar da estação
O café
A filha
O tédio
A encheção
A mesma música
Tocando sem parar
Entender, entender, entender...
Começar de novo
Escrever, escrever, escrever...
E não poder falar
Um palavrão
Ser amável
Obrigada!
Lailin


Nenhum comentário: