Translate

sábado, 22 de agosto de 2015

Brigite Bardot




Brigite Bardot
Termo a quo (do latim de onde veio)
Caminhava em direção ao metrô luz quando observou uma senhorinha sentada no degrau próximo a calçada, fumava, olhou para ela e pensou: “Que linda e vejam seus lindos cabelos prateados”,
continuou caminhando e virando o rosto olhando para ela sorrindo, ela também sorria, fez o sinal de positivo, ela também fez, estava quase descendo os degraus que a levariam até o buraco do metrô quando a placa mãe começou:
“Qual o seu nome?”
“Lai”
“Lai covarde? ”
Nem deixou ela terminar
deu meia volta retornando para aquele lugar onde estava a senhorinha que continuava a fumar
Nem bem chegou e já foi jogando suas tralhas no chão perto dela e dizendo
“Embora esteja com pressa, não vou ficar pensando o dia todo por que não parei para conversarmos”.
A senhora sorriu enquanto tirava um pequeno pacote de bolacha da bolsa e colocava em suas mãos
“É para a senhora, espero que alguém passe e ofereça um café”
Ela sorriu e então começou o interrogatório:
“A senhora mora onde?”
“Tem família?”
Fez tantas perguntas e em todas elas se sentiu enrolada
A única coisa que sentiu ser verdade foi quando ela disse que não era bom morar com as noras
Quase respondeu que o ser humano só é bom quando precisa da gente, mas ai não quis jogar mais lenha na fogueira.
Quando perguntou seu nome ela disse: Brigite Bardot


Quase respondeu: Prazer, Marilyn Monroe
Então, ela contou que foi atriz em Manaus.
Foi aí que viajou no tempo...
Perguntou se ela estava sempre ali, ela disse que sim
e então a beijou e levantou desejando encontra-la um outro dia para com mais tempo poder convida-la para um almoço,
qualquer coisa que pudesse transformar o dia em alegria
lai




2 comentários:

Anônimo disse...

Marcinha, vc saiu do FB? Hoje entrei, e sempre leio suas mensagens, mas nada encontrei. Talvez vc tenha apenas deletado alguns de seus amigos virtuais e eu fui uma... mas saiba que lamentei bastante. Admiro sua forma de ver a vida, suas opiniões e o conteúdo inteligente que vc sempre publica. Deixo um beijo e e votos de felicidades para você!

marcia lailin disse...

Continuo no facebook, e nao sei quem vc é
ja que prefere o anonimato,
não sei pq cargas d'agua tenha delatado, se isso aconteceu na época deve ter sido por um bom motivo que hoje não é mais.
felicidades