Postagens

Covid 19 - O ano que não terminou

Imagem
  Covid 19 Diario de bordo - O ano que não terminou Hoje 20.03.2020 – Estamos confinados. Uma prisão onde devemos sair ou ao mercado ou a farmácia. Então você faz tudo que tem para fazer e ai não fica mais nada a não ser a neura do tormento dessa maldição que se abate em nossas cabeças. A presença da doença e da morte. E já não temos mais saco para ficar descobrindo algo para fazer, para fugir dessa realidade escabrosa, terrível. Já deitei, cozinhei, li o jornal, limpei os armários, as gavetas, vi as mensagens e o status de todos pelo wattzapp, deitei novamente e cozinhei e então percebi que se não tomar cuidado ficarei doente. Ontem vi uma senhora solitária sentada no banco, senti vontade de cumprimentá-la, dizer bom dia, mas então achei melhor não e passei por ela para não contaminar do que não sei. Talvez da solidão. Na volta ela estava no mesmo lugar. Então eu disse a mim mesma, vá até ela, e foi o que eu fiz. Iniciamos um diálogo e ela começou a falar sobre o seu marido morto em

Neuleptil periciazina 40mg/ml

Imagem
Tem noites que tenho insônia e isso é tortuoso. Para evitar que isso aconteça pedi para uma amiga uns quatro ou cinco daqueles remédios que ela costuma tomar. Pensava eu ser lexotan, um benzodiazepínico inofensivo um bem-za-deus. Indicado para ansiedade, tensão e outras queixas físicas ou psicológicas associadas à síndrome de ansiedade. E rende pra caramba pois só preciso de um quarto dele uma vez por semana para por meu sono nos trilhos. Minha amiga disse que tinha um remédio receitado por seu medico que era muito bom para insônia, só que muito forte, pois a mesma havia dormido dois dias seguidos. Pensei com meus botões: Tudo bem, se é tão forte assim terei que diminuir o meu ¼. Combinamos de nos encontrar e ela me trouxe o remédio. Disse que era em gotas. Pensei: Deve ser da família do rivotril. Em casa quando abri a embalagem e fui ler a bula, quase cai de costas pensando: Como pode um médico receitar algo assim. O quadro mental da minha amiga não bate com a indicação. Mas o

Agora vocês são amigos no facebook

Imagem
Agora vocês são amigos no facebook... Foi essa a mensagem que o facebook mandou quando nos tornamos amigos.... Questão de meses atrás o facebook disse: “ não há mais conversas a exibir” é uma mentira, uma grande mentira. Sim, houve mais conversas a exibir, as mesmas que salvei para colocar junto com as outras, foram as últimas por mais um mês, um mês e meio, não sei bem ao certo, porque comecei a deixar de contar os dias e a não dar mais importância ou a ficar seguindo os passos, bisbilhotando quando e como foi o momento do estrangulamento, sei que foi no meio desse tempo... quando deixei que ele corresse, esperando uma resposta... E depois de algumas semanas de retiro espontâneo de minha parte retornei e.... Na noite em que te bloqueei, primeiro eu fui até sua página e eliminei todos os meus comentários e curtições de suas fotos. Depois fui até a caixa de mensagens e salvei as últimas mensagens, principalmente aquele do último mês do último ano quando você escreveu a descul

New York é aqui

Imagem
Amiga Aqui tudo na paz do Senhor A chuva parou e o domingo se faz em silêncios quebrados por um zumbido de uma mosca e o som de um cão que late No momento o meu desejo é possuir uma Bíblia, uma antiga tradução de Jerusalém editada pelas edições Paulinas Ou uma da Sociedade Bíblica do Brasil... Mais do que um livro de Deus como dizem, ela é um livro de filosofia, história e poesia, com pitadas de terror... Não tenho vontade nenhuma de conhecer Nova York, conheço a cracolândia e pelas fotos que minha amiga fotografa manda de lá, não vejo diferença... Acho que finalmente consegui silenciar e não bloquear a Ísis (no tele-móvel tem um comando do lado direito onde podemos silenciar por 8 horas, uma semana, ou um ano, escolhi um ano) Não aguento mais tantas mensagens sem importância com musicas, figuras e assuntos cansativos. Se fosse um só por dia, mas é um atrás do outro. Como pode alguém viver assim? É tão bom viver sem nada, curtir a si mesmo, o vazio da existência, sem que

AS SAUDADES QUE EU SINTO DE TI...

Imagem
AS SAUDADES QUE SINTO DE TI ... - Sabe Zilda eu estou pensando seriamente em casar com você - Olha só que folgado – Pensou Desse dia até o casamento foi um ano certinho. Casaram-se no ano seguinte. Enfrentaram muitos problemas que hoje a maioria não suporta, e se separam por nada. Tinham uma incompatibilidade de gênios bem acentuada. Mas, foi uma incompatibilidade que conseguiram equilibrar. Ele extremamente nervoso, ela extremamente calma. Ele gostava muito de escrever, escrevia muito. Deixou para ela muitos cartões a maioria ela deu, mas as cartas ela guardou. Teve uma vez que ele escreveu uma carta achando que não levaria o casamento adiante. “A Zilda meu grande amor.... Como dizer o que sinto, como explicar tal fato, não sei sinceramente. Sou incapaz de compreender como fui ficando desumano ao ponto de desejar minha própria morte. É o que realmente sinto. Sei e compreendo sua revolta contra minha atitude, mas sei também que sua vida virou um inferno por minha

Into the wild - Resumo do livro na Natureza selvagem - Jon Krakauer

Imagem
Quem assistiu o filme Na natureza selvagem? Filme dirigido por Sean Penn com aquela bela música de Eddie Vedder como pano de fundo e paisagem maravilhosa do EUA e por fim do Alasca? Alguém ai? O livro é bem melhor. O autor e jornalista segue o estilo Truman Capote que escreveu o clássico: A sangue frio. Os dois livros são baseados em histórias reais. Capote deu inicio a um estilo que depois seria copiado por muitos. Ou seja, o romance jornalístico detalhado sobre um fato que comove a opinião publica.   Os dois livros são best-sellers, embora Into the wild de Jon Krakauer não atingiu os limites da glória como o outro. A historia de Chris McCandless causou grande comoção na America e a nação americana novamente se sentiu diminuída... A morte nos diminui como disse John Donne em sua poesia “Não pergunte por quem os sinos dobram....” Em maio de 1990, Chris McCandless graduou-se na Universidade Emory em Atlanta, se distinguiu como aluno de história e antropologia com uma mé

Agustina Bessa-Luís e eu

Imagem
Ideias, metáforas, no museu  com Agustina Bessa-Luís Nao vou dizer que foi uma decepção porque concordo com as palavras do mestre: A estrada larga conduz a destruição e muitos seguem por ela Ou o nosso Nelson: A unanimidade é burra. O que esperar de um país onde dá para contar nos dedos das mãos os eventos culturais , parques, museus, exposições e etc... Lojas e quinquilharias e coisas imprestaveis são trilhões e trilhões de quarteirões e quadras Estava como eu gosto. Uma minúscula exposição, como a área de serviço de uma casa, com não mais que meia dúzia de roupas ou no caso, algumas fotos penduradas. Fiquei um tempo maior ali, era esse meu objetivo. Foi quando do nada apareceu um rapaz e pediu que eu tirasse sua foto. Perguntei a ele se era português. Estava curiosa. Vai diz ai que é. Quem se não um português iria ate o terceiro andar do museu? Ele disse que não - Ah, já sei! (Toda feliz) Você é amigo da Spa Campoja - Quem? - A Spa, portuguesa do Porto, mora lá depois d